Notícias

São Luís: Sindicato propõe 10% de reajuste para trabalhadores da indústria metalúrgica

As reuniões com o Sindicato Patronal estão previstas para o início de março, quando se dá a data-base da categoria.


POR Redação

Publicado em 17 de fevereiro de 2017

Foto de Divulgação

O Sindicato dos Metalúrgicos de São Luís realizou na última terça-feira (14), Assembleia Geral com a categoria dos trabalhadores da indústria metalúrgica para aprovação da proposta de negociação salarial para 2017. Os trabalhadores aprovaram a manutenção das cláusulas não-econômicas da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT 2016), bem como a proposta de reajuste salarial de 10%.

As reuniões com o Sindicato Patronal estão previstas para o início de março, quando se dá a data-base da categoria (1º de março).

O presidente do Sindicato, José Maria Araújo, espera que as empresas garantam o benefício aos trabalhadores, pois este é o único reajuste que eles recebem anualmente. “As empresas alegam dificuldades, mas impõem mais dificuldade aos trabalhadores, não vamos aceitar o congelamento dos salários”, declarou.

SINDIREPA – A Convenção Coletiva de Trabalho (CCT2017) da categoria dos trabalhadores da indústria de reparação de veículos (Sindirepa), foi assinada no dia 12 de janeiro, com reajuste de 7,5% sobre a tabela de pisos. A data-base da categoria é dia 1º de janeiro.

Todas as demais cláusulas da CCT anterior, que disciplinam outros direitos e benefícios da classe, foram mantidas.

Fonte: Sindicato dos Metalúrgicos de São Luís