Notícias

Rio de Janeiro: Metalúrgicos da SPG paralisaram atividades por melhores condições de trabalho

O Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de Janeiro, filiado à Fitmetal, esteve com os trabalhadores negociando a pauta, que foi apresentada à SPG.


POR Redação

Publicado em 22 de setembro de 2017

Foto de Divulgação

Os metalúrgicos da SPG paralisaram, nesta quinta-feira (21), a empresa para cobrar melhorias. A direção do Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de Janeiro, filiado à Fitmetal, esteve com os trabalhadores negociando a pauta, que foi apresentada à SPG.

Ficou acordada com a direção da empresa a reforma da cozinha e do banheiro para atender a higiene dos trabalhadores. A SPG também se comprometeu em reajustar o ticket alimentação em 37,5%, passando de R$ 8,50 para R$ 11.

A SPG ainda se comprometeu em pagar as horas extras diretamente no contracheque, como também fornecer uniformes de forma regular, conforme estabelecido em acordo coletivo.

Sobre a insalubridade e periculosidade: Sindicato e trabalhadores cobraram a regularização, porém a empresa disse reconhecer o caso de dois trabalhadores. O Sindicato orientou que a SPG providencie o LTCAT com o laudo.

A SPG prometeu dar aumento de 1% já na folha de pagamento do próximo mês, independente da CCT 2017/2018. Os funcionários também cobraram um plano de saúde melhor, pois o atual é caro e exige coparticipação. Por fim ficou acertada a regularização de alguns funcionários que estão ainda sem carteira assinada.

Fonte: Sindicato dos Metalúrgicos do Rio de Janeiro